Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Realidade nua e crua

                                      (Interação ao poema CEMÍTERA TESE, do
                                       Poeta  Carioca)


Tento presumir tua visão:
Um anjo pétreo em tua frente,
Como tal, estático e silente.
No alto entre nuvens, imensidão.

Estrelas em claridade silenciosa.
O anjo te fita como se falasse
Sobre o momento do trespasse,
Realidade crua e dolorosa,

Quando liberto dos liames
Que te prendem ao corpo teso,
Com suas regras seus ditames,
Não mais densidade nem peso.

Átomos e moléculas logo dispersas
Se agruparão em outro ser,
Quem sabe funções diversas,
Sem vestígios de memória ter.


Jota Garcia
Enviado por Jota Garcia em 18/01/2018
Reeditado em 18/01/2018
Código do texto: T6229886
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Jota Garcia
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 83 anos
809 textos (28913 leituras)
7 áudios (427 audições)
1 e-livros (68 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 18:21)
Jota Garcia