Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ode à motocicleta

Já não enxergo,
pela neblina envolto
ainda subindo
percebo o ápice afoito

A temperatura abaixa
minha mão congela
logo me preparo
para descer a serra

O declive me empolga
vejo à quilômetros,
a neblina deu folga

Agora só campos
e longas retas
assim termina meu ode
às motocicletas.
matteo rigo
Enviado por matteo rigo em 07/12/2017
Código do texto: T6192940
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
matteo rigo
Mairinque - São Paulo - Brasil, 23 anos
20 textos (315 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 08:25)
matteo rigo