Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Prisioneiro

Prisioneiro

Já não posso dá um próximo passo
Impedido por fortes grades de aço
Eles nos injetam venenos conscientes
Que nos tornam calmos e dementes
A tristeza é comum no mundo dos entristecidos
E as lagrimas viraram gases esquecidos
Perdi mulher, família e até mesmo a minha moral
E só me resta o sonho que mesmo envelhecendo ainda é imortal
Um copo trasbordando em preto me mantém aceso
O cigarro entre meus dedos minha única propriedade
Minha sanidade confronta o mundo
E desse pensar profundo
Me pergunto com medo da verdade.
Será que existe mesmo a tal liberdade?
 

(Reabilitação antidrogas
Elisson
Enviado por Elisson em 13/01/2021
Código do texto: T7159109
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Elisson
Salvador - Bahia - Brasil
5 textos (57 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/01/21 09:31)
Elisson