Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PASSOS

Segui-lo
    Sem dúvidas
Percorri-o
    Desenfreado
Na condenação do meu corpo.
 Em uma conurbação
De identidades
   E saber
Onde estará
Meu ser?
    Porque onde está a felicidade
Estou a caminho
Nunca piso nesta terra de ninguém
 Onde nada se preocupa
Ou se cria
Enganei humores
    Encontrei o desconforto
Se desconfio
Tenho-me morto
Seco a pele boa

Sangue limpo.
Imaginação forjada
Nada, nada...

Caminhei por teus olhos
Teus sonhos
Cabelos
Rugas do teu rosto
Tuas marcas e desaforos
Desafiei o próprio desafio
Morri e morro
Na palavra que me
Fere a princípio
Mas equivale a um não
Suicídio
No precipício em que
Me colocou
Suplício íntimo
Infinito
É duro entender
O significado de infinito.
Maria Mariane
Enviado por Maria Mariane em 13/03/2019
Código do texto: T6596968
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Mariane
Castanhal - Pará - Brasil, 27 anos
452 textos (4176 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/11/19 22:31)
Maria Mariane