Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nada

Fiquei nada, cheio de poeira e cicatrizes, se eram coisas que perdi, agora estou leve, mais um, dos inúmeros tombos do caminho.
Fiquei mais velho, sem aniversários, puta aula intensiva de vida.
Nem carro velho, nem uma parceira, fiquei nada mesmo.
Sento dentro de mim, só vejo silêncio.
Paredes velhas, o pó da réstia, aqueles livros...
Não tenho memórias, somente o silêncio, este queima como febre.
Parece tudo, como não querer ir para nenhum lugar, o vácuo do nada.
Fiquei nada, não parti, não lutei, não criei um evento para a queda, dormi, acordei espírito, sem coisas, nem afetos, nem sombras ou cantos, sumi, e nem memórias sobraram.
Acho que me desligaram.
Não deu tempo de dizer adeus.
Thiago Herek
Enviado por Thiago Herek em 19/10/2019
Código do texto: T6773729
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Thiago Herek
Londrina - Paraná - Brasil, 40 anos
162 textos (3565 leituras)
3 áudios (59 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/11/19 21:31)
Thiago Herek