Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mistério

Mistério

Por um pedaço de pão
Negava o medo
Fingia sorrir.
Descia para a noite
Que era noite mesmo que fosse dia
Ignorava aqueles olhos
Morenos, suplicantes
Que diziam: - Não vai!
E descia para a noite
Que era noite mesmo que fosse dia.
Buscava no negro minério
Seu pedaço de pão.
Desconhecia o mistério
Do findo daquele chão
E um dia custou bem caro
Seu pedaço de pão
Custou-lhe o próprio Dom
Que Deus um dia lhe deu.
Custou a própria vida
De quem nunca temeu a morte
E seu corpo ficou lá,
Ficou para todo o sempre
Sem conhecer o mistério
Daquele negro minério
Daquela noite que existia
Mesmo que fosse dia
Rosilane Rocha
Enviado por Rosilane Rocha em 29/04/2006
Código do texto: T147598


Comentários

Sobre a autora
Rosilane Rocha
Charqueadas - Rio Grande do Sul - Brasil, 54 anos
47 textos (1304 leituras)
2 áudios (130 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/02/21 07:12)
Rosilane Rocha