Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

INCÊNDIOS

meu coração está em brasa
arde
chora
dói

meu coração inquieta-se
sufoca

(ainda que distante)
essa fumaça me consome
o olhar abrasa

lágrimas
solitárias
caem
solidárias
tantas e ( tão poucas)
pois que não dá sequer para apagar uma pequena chama

não estou sozinha
( muitos sufocam, choram, gritam)
tantos silenciam
calam
abafam
vendam-se
e o nosso grito ainda é  mínimo

impotentes ante a ganância
ao descaso
e a desumanidade do homem
calamos

e porque calamos
sofremos
queimam as matas
a floresta chora
ecoando o grito, grito, grito
através das chamas
o solo, antes, verde, agora é escarlate
esperança incinerada
e o chão desertificado
ultima morada
dos animais carbonizados

meu coração é cinzas
meu espírito é brasa
arde
arde
arde
Fátima Mota
FATIMA MOTA
Enviado por FATIMA MOTA em 16/09/2020
Reeditado em 05/10/2020
Código do texto: T7064653
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
FATIMA MOTA
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil
1359 textos (119731 leituras)
7 e-livros (438 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/05/21 20:15)
FATIMA MOTA