Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ciranda da Vida

“ O ócio é uma possibilidade infinita a ser explorada”
 Lia Luft

Pela segunda vez,
andei
fazendo o mesmo percurso.

Tudo estava diferente,
eu mais centrada,
cuidadosa.

Encontrei vultos apressados,
contidos na ânsia do fazer.

Pela janela do ônibus,
vida a correr.
Pessoas,
no observatório da calma
passam rapidamente.
Uma parada obrigatória
me fez refletir,
o tempo que entretera
sem viver cada momento.

Vã confiança,
a eternidade terrena não existe
insistimos numa vida sem maiores sentidos,
uma longa estadia .

A dádiva do hoje
nos acolhe, nos acalma
sem preocupar que o amanhã,
está sendo moldado,
molhado
com as presentes ações
contrapõe a todo instante
intenções.

Almas defrontadas,
expostas,
sem sossego
num leito.

Amplos corredores
por onde levam
uma a uma
as macas,
opacas
luz por fora,
medo por dentro.

Olhar o teto.
Passam os segundos.
Um lance,
o outro.

Bip. . .
ecoava pela intensa sala de centro cirúrgico,
que alívio !
Era meu coração que batia.

Acordei.

2007
Aglaé Meinberg
Enviado por Aglaé Meinberg em 03/06/2008
Código do texto: T1017339
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aglaé Meinberg
Varginha - Minas Gerais - Brasil
47 textos (2147 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/11/19 03:10)