Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mais um devaneio Paulista

Por onde você andar,
As luzes metropolitanas se apagarão,
E a luz da lua,
Será a única a te iluminar,

A avenida será teu palco,
Suas peças de roupa ali cairão,
Boêmios nas janelas acenderão as velas.

Sua passarela será o elevado,
Fechado neste noturno sábado.

As ceras das velas escorrerão e logo,
O gozo de teus admiradores em paixão.

Escorrem também,
Das madrugadas limpeazas de bares,
A água.

Esta,
Que muitos desabrigados bebem,
Tentando enganar o corpo,
Pobre rico corpo.

O que é triste?
Nada é triste.

Boa noite,
Os pássaros contidos em contos diversos vão se acordar,
Despertando a cidade e musicando meus sonhos.

Bruno Fernando
Enviado por Bruno Fernando em 12/08/2008
Reeditado em 08/06/2011
Código do texto: T1125348
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, criar obras derivadas, desde que seja dado crédito ao autor original (Bruno Fernando) e as obras derivadas sejam compartilhadas pela mesma licença. Você não pode fazer uso comercial desta obra.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Fernando
São Paulo - São Paulo - Brasil, 36 anos
69 textos (2851 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 03:28)
Bruno Fernando