Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quando A Noite Mata o Mundo

Quando a noite mata o mundo
E tudo vira silêncio e paz
Caminham o bêbado, o vagabundo
O que vive e o que jaz.

Na calmaria das trevas da madrugada
Pode-se ouvir os cantos desafinados
E também se ouve a gargalhada
Dos assassinos armados.

Calma que é o que eu quero
Paz, lua cheia, noite e vinho
A noite mata o mundo e eu espero
Por ti, morte, mais uma noite, sozinho.
Júnior Leal
Enviado por Júnior Leal em 16/04/2005
Código do texto: T11536


Comentários

Sobre o autor
Júnior Leal
Lagoa Santa - Minas Gerais - Brasil, 35 anos
958 textos (33233 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/10/20 01:39)
Júnior Leal