Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Branco dos olhos

Pálido é o espelho que reflete sua hora
Das cortinas lilases que sobressaem-se em transe
Ao avesso do espinho que sangra!
Despeja-se nas mãos esperanças remotas.
Cravou-se no varal das incertezas
Debruçou-se em línguas infalíveis
Denunciado foi no branco dos olhos...
Eperdus
Enviado por Eperdus em 24/04/2005
Código do texto: T12780

Comentários

Sobre o autor
Eperdus
Curitiba - Paraná - Brasil, 47 anos
39 textos (1296 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/07/20 12:55)
Eperdus