Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ó Meu Tormento

Quando hei de ti me esquecer?
Neste tormento bem, de te amar,
Já é a causa deste vício se perder,
Sem um tropeço pra poder me levantar!

E à janela vejo o passado se erguer,
Das cinzas, à nevoa do luar,
É quando digo: ah! cadê você?
Essa amada que vem me atormentar...

Já não acordam as rosas do jardim,
E não adormesse mais o meu passado,
É como o ouro feito de carmim...

E este passado heis tão malfadado,
De um amor que bem parece não ter fim,
Ora, só tens a dor por tê-la amado!
Hilton Luzz
Enviado por Hilton Luzz em 22/04/2006
Reeditado em 25/04/2008
Código do texto: T143364
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre o autor
Hilton Luzz
São Paulo - São Paulo - Brasil, 30 anos
135 textos (10075 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/01/20 20:37)
Hilton Luzz