Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

    
 
   Perdi


Rosa Pena

 
Garimpei no Carajás.
Enfrentei os marajás.
Marchei contra o Figueiredo,
velei pelo Tancredo.
Chorei pelo Henfil.
Torci pelo Brasil.
 
Acredito na humanidade .
Sonho com a igualdade.
 
Dei tintim
pela quebra
do muro de Berlim.
Quando vi solto o  Mandela,
saudei alegre da  janela.

Sempre batalhando,
mãos no  martelo,
cantei o submarino amarelo.
Fiz da  vida,
um samba-enredo.
Cantei na avenida,
sem medo.

Acredito na humanidade .
Sonho com a igualdade !

Não tive tudo que quis
nem tudo que sonhei, fiz.
Eternamente aprendiz,
Tentei ser feliz.

Perdi

 

Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 13/01/2005
Reeditado em 29/11/2018
Código do texto: T1558
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
981 textos (1579479 leituras)
48 áudios (24845 audições)
33 e-livros (30835 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/02/19 07:37)
Rosa Pena

Site do Escritor