Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

        RENOVAÇÃO

Não quero restos de poemas
gatilhos de palavras no vácuo
ranços amorfos, refrões cansados
de imaginária melodia.


Quero o poema vivo
O pulsar atônito do espanto
A claridade pura do sol
que, incontido, 

             doa seus raios ao dia.

Sonia R
Enviado por Sonia R em 03/06/2006
Reeditado em 03/06/2006
Código do texto: T168907
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sonia R
Ribeirão Preto - São Paulo - Brasil
985 textos (107617 leituras)
3 áudios (804 audições)
3 e-livros (480 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/09/18 07:45)
Sonia R