Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


CORTESÃ




Na arte do amor
É ímpar na precisão.
Chamada com decisão
Pelo rei ou imperador

Não é uma qualquer
Frequenta a nobreza
Mas, é apenas uma mulher
Que chora sua tristeza

Por conhecer os feitiços
Ganha todas as atenções
No amor, provoca rebuliços
Porém, sai seca de emoções

Cortesã de pele tão alva
Que aceita seu destino
Sem a estrela- D’alva
Sem entrar em desatino

Sofre quando está só,
Pensa na vida que passa
Encontra tramas com nó
Mas tem alma de esperança!




Malubarni
Enviado por Malubarni em 14/09/2006
Código do texto: T239894


Comentários

Sobre a autora
Malubarni
Vila Nova De Gaia - Porto - Portugal
595 textos (138392 leituras)
2 áudios (291 audições)
3 e-livros (408 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 27/07/21 22:50)
Malubarni