Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VESTAL

 
Enamorei-me de bela Vestal*!...
E..., prostrei-me diante de ti... Flor,
No seu canto de sereia todo amor...
Olhos negros, morena, tom sensual...

Tranquilidade na vida social...
Nas noites de amor eu vivo o seu calor,
No seu futuro sou colaborador...
Carinhosamente na vida pessoal...

Deusa, domínio que magnetiza,
Sacerdotisa!... Golpe que imobiliza...
E, com você amor nascente, contente,

Sensivelmente, florescente, ciente...
E por todos os anos que ainda terei,
Em teus sonhos mais lindos, eu viverei...

*Vestal: sacerdotisa de Vesta, deusa romana do fogo, permaneciam virgens e guardavam a chama sagrada do templo. Por extensão: mulher honesta, casta.

Esquema de rimas:
1º quarteto: abba.
2º quarteto: abba.
1º terceto: ccd.
2º terceto: dee.
                                                                                 
Rio, 14 de outubro de 2006.



 
Augusto de Sênior
Enviado por Augusto de Sênior em 14/10/2006
Reeditado em 07/12/2017
Código do texto: T264041
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Augusto de Sênior
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 51 anos
117 textos (66067 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 22:13)
Augusto de Sênior