Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEMPESTADE DE ALMA


 
 
 

"...A fina chuva sobre a pele
ameniza a febre da saudade
e acalma o grito quente
que o mais leve canto poderia ter...

Cai do céu, o pranto insistente
molhando em gotas
um coração aventureiro e cansado...
Do riso esclarecido
ouve-se o choro da vida
enquanto espero sob a tempestade...

Cansei da visão do clarão dos raios,
e então calei as vozes,
apaguei minhas sombras,
vivi a década do medo
sem segredos  e sem trégua...

Ao mundo expostamente nua...

Bem vindo escárnio !
Bem vindo carinho !

E se o dia amanhecer
e o escuro molhado persistir,
é porque a minha vida
tão mal vivida
Esqueci na madrugada..."
Sonia Pallone
Enviado por Sonia Pallone em 28/01/2005
Código do texto: T2652


Comentários

Sobre a autora
Sonia Pallone
Atibaia - São Paulo - Brasil, 69 anos
277 textos (21321 leituras)
2 e-livros (164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/05/20 09:11)
Sonia Pallone