Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Na calada da noite...
A insônia me tortura!
Me perco em pensamentos...
Na luta contra os sentimentos.
Até a hora que nem sei o que pensar!
Mas, somente o pensamento me distrai.
Para passar o tempo que não passa...
Os ponteiros do relógio andam lentamente!
Na louca e desesperada tentativa de adormecer....
Assim...Mais uma noite se vai.
Cansada de pensar no que pensar!
Minha cabeça se esgota...
Entrega-se à melancolia.
Vencida pelo tic-tac insistente e enfadonho
que retumba cada vez mais alto.
Nos primeiros raios de sol,
minhas pálbrebras começam a pesar
e apesar dos pesares e horas a fio...
sou vencida pelo sono em plena claridade.
Sonho coisas tristes, boas, confusas
em sono profundo...
quando o sono fica mais leve
tenho domínio dos sonhos
que são proibidos, imorais, de amores
furtivos em cada noite.
Sonhos que vejo somente um vulto de homem
e claramente da cintura para baixo
permitindo-me entregar-me à vulgaridade
e fazenndo coisas sem vergonha nenhuma
para o prazer que se repete várias vezes.
Acordo em movimento de prazer...
e assim...os meus dias se vão
entre cochilos durante o dia
na esperança de novos prazeres!...
Maysa Barbedo
Enviado por Maysa Barbedo em 02/03/2011
Reeditado em 02/03/2011
Código do texto: T2823633

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
Maysa Barbedo
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
2967 textos (350896 leituras)
7 áudios (1585 audições)
104 e-livros (20345 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/05/21 20:40)
Maysa Barbedo