Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

***Súplica de Um Guerreiro***



Branca e pálida areia, que voa solta com o vento
e a luz que ali permeia, rendada feito uma teia
arranca de mim suspiros, saudades de um amor
.
Ó lua que flutua em noites quentes e danças nua
vinde a mim pobre mortal, que te deseja e inflama
nas minhas veias, a tua essência taciturna e amua
.
O meu desejo que latente, explode em fagulhas
numa noite de amor, em que na terra eu sou índio
ameríndio ou guarani mas sempre a espera de ti
.
Seja no céu ou seja no solo ou mesmo na pradaria
venha, ó doce lua, e me encanta faz de mim estrela
que eu não me importo e te suplico, preciso tê-la
.
Faças de mim teu amante, parta-me em mil pedaços
mas reproduza comigo a tua luz, teus lindos traços
me acalentes e depois me deixes cair novamente
.
Para que da terra prometida, eu te veja embevecida
entre milhões de estrelas, todas elas cadentes
esparramando no universo o meu amor onisciente
by
***RosaMel***
***04.04.11***







fioredemel
Enviado por fioredemel em 03/05/2011
Código do texto: T2947248

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre a autora
fioredemel
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 61 anos
279 textos (3539 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/05/21 21:56)
fioredemel