Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Estiagem

Queria poder chover,
E, com a minha chuva nocturna,
regar os lírios que morrem lá fora...
Queria poder chover,
e, ao fazê-lo, ver crescer
dentro do âmago da terra,
os pirilampos de um novo amanhecer!...
Mas a noite é de estiagem,
E o vento Norte secou as raízes do ontem!...
O ventre, mísero, rosna como cães famélicos.
Morrerá de fome, amanhã,
enquanto a chuva não fecundar, um novo dia...
Cristina Pires
Enviado por Cristina Pires em 11/07/2005
Código do texto: T32870


Comentários

Sobre a autora
Cristina Pires
França, 54 anos
87 textos (7327 leituras)
1 áudios (37 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/07/20 09:47)
Cristina Pires