Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nonada

O redemoinho move o mundo
O capeta fragmentado
A maldade em nossas unhas

A faca sangra
O gerânio derrama o rio
Travessia

O redemoinho gira na roda
Nonada
A poeira atravessa a bala

O gibão, o sertão
Travessia
Sangra o seco
Estanque.
Deijair Miranda
Enviado por Deijair Miranda em 20/01/2007
Código do texto: T353729

Comentários

Sobre o autor
Deijair Miranda
Pojuca - Bahia - Brasil, 44 anos
116 textos (5728 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 15/12/19 13:40)