Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Não Deixei de Amar

Não é que deixei de amar
Deixei de querer na impaciência
Em que se buscam os amantes
A pressa na imperfeição
Nas atitudes que arrastam algemas
E nada deixou glórias
E a marca na alma mutilada
E como soldado sobrevivi
E admiro a modéstia dos soldados
Nos campos de batalha
Corpos resignados
Distintas horas
Em que se quer viver, lutar, morrer
No germe destruído da palavra amor
Pólvora seca cai ao som da escopeta
E não preciso dizer que as pessoas
Morrem bem antes de morrer
E talvez nas mãos do homem
Antiquário de mundo
O amor morra muito antes de nascer
E procuro os deuses da humanidade
Que patentearam esse ser
O amor, esse enigma.

Magaly



carla diniz
Enviado por carla diniz em 23/01/2007
Código do texto: T356457

Comentários

Sobre a autora
carla diniz
Três Lagoas - Mato Grosso do Sul - Brasil
44 textos (593 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/09/20 21:37)
carla diniz