Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O Tempo II

Meu velho amigo...
Piores são os dias em que me deixas de castigo
Mas quantas coisas já aprendi contigo?
Meu querido mestre...
Não há verdades que não me mostres?
Não há depois de tudo, feridas e cortes?
Quem sabe no fim você ainda me ensine o que é a morte
Quem sabe um dia eu tenha mais sorte
De poder te ouvir falar
De poder sentir, de possibilidades, teu tear
De aprender de uma vez por todas a caminhar
Por essas trilhas que vejo a minha frente gorjear
E entender que posso voar e sonhar e amar
E saber por onde ir
Que filosofia seguir
Para, enfim, um dia ser feliz.

E agora? Perguntas tenho aos montes...
Esperar? É só isso que você pode me mostrar?
Vamos! Não tenho tanta vida assim, ela é curta.
Hein?  (Perco a paciência)

RESPONDE!
Guilherme L Mattje
Enviado por Guilherme L Mattje em 27/01/2007
Código do texto: T360187
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Guilherme L Mattje
São José - Santa Catarina - Brasil, 33 anos
72 textos (2751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/09/20 21:49)
Guilherme L Mattje