Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pobre menina

Queria tanto ver seu nome em uma poesia
E suas características exaltadas em uma melodia
E gostaria, também, de ser amor eterno.

Pobre menina!
Tem tanta lágrima e tão pouca rima.
E mesmo assim tem um sorriso no rosto
Que esconde todo o desgosto e o amargo da vida.

Queria tanto ser alegria...
Mas menina, acorda,
Alegria não faz poesia, alegria é prosa morta.

E queria tanto ser dedilhada em um violão,
E eternizada em uma canção qualquer de amor,
Pobre menina,
Queria tanto ser alegria mas ainda é pura dor.

14/06/12
Bianca Grassi
Enviado por Bianca Grassi em 14/06/2012
Código do texto: T3724021


Comentários

Sobre a autora
Bianca Grassi
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
161 textos (10301 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/05/21 10:12)
Bianca Grassi