Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

VISÃO

Um anjo bateu lá em casa
à meia-noite em ponto
Já tinha feito minha cama,
dentes com escova escovado
Pra dormir estava pronto

O anjo entrou reluzente
com luz a sair-lhe dos dentes
O anjo sentou e quis conversar
Conversas de noite, de papos de anjo,
palavras doces, sutis sem ardis

O anjo passou toda a noite
a contar-me estórias
Estórias vividas de amor rechaçado,
de crime vingado, de beijos roubados,
de coisas achadas ou soltas na vida

Rasgou lá no peito com muita emoção,
tirando de dentro o seu coração
Assim eu dormi escutando esse anjo
e quando acordei, na barra do dia,
eu vi que o anjo partia

© Fernando Tanajura

Fernando Tanajura
Enviado por Fernando Tanajura em 25/07/2005
Reeditado em 20/11/2015
Código do texto: T37556
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Fernando Tanajura
Estados Unidos
1631 textos (163238 leituras)
1 e-livros (179 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/07/20 18:56)
Fernando Tanajura