Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Einzelneit!*

Sabe quando aquele dejá vu se apresenta,
Aquela música que ocupa o espaço & gruda,
Mensagem eletrônica, feito uma pimenta,
Toda tensão em um mix de tesão, voz muda,
Aquela letra ainda arrepia tanto a pele, aumenta,
Teus beijos tão adocicados, gosto de fruta,
O calor desse corpo que agora me ausenta,
Tocada pela noite fria, quase nada escuta,
Valha-me vento, sem embuste, mão faminta,
Esse brilho dos teus, de cor a vez que pinta...

Por todo o tempo que ainda te espera!

Peixão89
*(trad.: singularidade)
Peixão
Enviado por Peixão em 16/07/2012
Código do texto: T3781540
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 59 anos
3231 textos (121635 leituras)
1 e-livros (245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 12/11/19 18:59)
Peixão