Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Escandalosamente!

Abrindo outro botão da sua blusa em êxtase,
Sentindo seu pulsar em vórtice & frêmitos,
O arrepio da pele no sutil toque em beijos,
Desse olhar cúmplice que a boca espera,
Tremem as pálpebras, as mãos que esquentam,
O toque no colo que arranca um gemido,
Pousa a língua no ombro quando abraça o peito,
Suas costas nuas são dedilhadas com calma,
Outro beijo tão suave como o primeiro,
Não há pressa, contínuos são os desejos,
As mãos delineiam as coxas já trêmulas,
Todas as buscas superam-se com novos gemidos,
Mesmo nas arestas do tempo, tantas esperas,
Corpos unidos, o gozo tão próximo, ávido,
Qual suspiro escapa junto ao beijo,
Todo prazer que o momento exala, imensidão,
Rebrilham os olhos, o riso se solta, largo,
No próximo beijo, explode o gozo, paixão,
Ainda temos tempo para novas travessuras!

Peixão89
Peixão
Enviado por Peixão em 07/08/2012
Código do texto: T3819031
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Peixão
Santo André - São Paulo - Brasil, 59 anos
3231 textos (121638 leituras)
1 e-livros (245 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/11/19 16:11)
Peixão