Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORONARIANA (per Gorélia)

Toando no canobilo
o meu canto a Gorélia,
modeca dedicata
de outrora éritis,
cardonissa d´arrefico,
relicata.

Afirátimo agrisólitos
os seus cabelos loirolaços,
que cœli faziam tão bemtulo,
tão bemtulo ália grata
o adusto cerne
e a basilácea dremedoada.

Crenesciam cristais de tropofélios
em suas nodelóquias mitrocôndicas.
Retiniam metais
de silfiléquias
tão leves que arminhos de prata
pareciam.

Ah!!!. . . Argênteos perinóquios
triniqüescentes e tão tristulos
que muda fala qüéris
com patolíveas remacronassem.

Ah!!....Cariópices da angostura
que na aurora semper silver
transmicreviam,
cordicata. !!!!

Ah!!.. coração...
explode!!!...


(um exercício sobre sonoridade e rítmo.)
Marco Bastos
Enviado por Marco Bastos em 19/08/2005
Reeditado em 19/08/2005
Código do texto: T43694
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
Marco Bastos
Salvador - Bahia - Brasil, 76 anos
1733 textos (97220 leituras)
2 áudios (533 audições)
1 e-livros (803 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 18:12)
Marco Bastos