Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Percurso para o Mar

Águas límpidas percorrem mata adentro,
no vai e vem das águas murmurantes,
folhas caem lentamente
descendo pelo riacho de águas correntes,
e a beira das margens floridas,
namorados beijam-se apaixonadamente.

Aves cantantes voam pelas matas,
exibindo as cores de suas plumagens,
tal qual uma competição
em que vence as mais belas
e as mais sonoras,
num desafio constante.

Cai a tarde e no crepúsculo,
borboletas giram como bailarinas,
encenando a morte do cisne,
e o riacho sussurrando,
vai cantando a melodia
até o término do dia.

Chega a noite, aves se recolhem,
e o riacho continua seu percurso,
jamais para, vai deslizando suas águas
até chegar ao Mar.
Mar, as vezes calmo,
outras agitado,
onde pescadores a luz do luar,
buscam seu sustento
lançando suas redes
de seus pequenos barcos;
e o sussurro do riacho,
se perdeu no imenso Mar.  
There Valio
Enviado por There Valio em 25/08/2005
Código do texto: T44979
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre a autora
There Valio
Pilar do Sul - São Paulo - Brasil, 78 anos
979 textos (156903 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/11/20 04:00)
There Valio