Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CHOVEU

Hoje não é dia de poesia....
Hoje não tem canção
Não tem contos na varanda
Nem tem moça no portão

Hoje parece que a lua nem saiu
Ventou um pé de vento frio
de onde veio ninguém viu
veio assim...foi-se... sumiu

Hoje não tem brincadeira
Nem tem pelada na ladeira
Parece até que alguém morreu
Ou foi em meus olhos que choveu

Esta dor que há por dentro
Não dispersa o sofrimento
Se não gritar não me aguento
Se gritar eu arrebento
Sergio Cortes
Enviado por Sergio Cortes em 19/12/2013
Código do texto: T4618337
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Sergio Cortes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sergio Cortes
Uberaba - Minas Gerais - Brasil, 55 anos
108 textos (4674 leituras)
5 áudios (157 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/09/19 01:34)
Sergio Cortes