Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Palavras feridas (acordo ortográfico)


Palavra ferida
Pedra cortada
Sangue na estrada

A ambulância das letras
Correu ligeira

Estacionou o dicionário
Abriu-o na página precisa
Fez respiração letra a letra
Mediu as pulsações  com a métrica
E constatou que o coração batia…
Ao ritmo de cada sílaba.

Nada de grave com a palavra!
Uma simples queda
Uma distração na dicção
Uma incorreção no andamento.

SOS,
Palavras feridas,
Palavras que morrem
A hora é de tristeza!

Escrevam manifestos,
Engrossem os protestos,
Que para vós é simples,
Não fossem vós letras
E de mãos dadas  palavra

Não cedam acentuação,
Nem hifenização,
Tão-pouco grafia

Combatam a desdita
Que o melhor do mundo
Porque o espírito alumia,
É a palavra escrita.










Antaco
Enviado por Antaco em 03/07/2014
Código do texto: T4868659
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Antaco
Portugal, 59 anos
67 textos (2212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/19 21:48)
Antaco