Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nativo

Não sou brasileiro!
Sou mais antigo que isso.
Não havia Brasil ou cruzeiro,
Apenas a terra que piso.
Matas-virgens, água e caça,
Num tempo em que éramos tantos.
Nada de óleo, fumaça ou raça.
Antes do branco, seu Cristo, seus santos.
Massacrado, conquistado, catequizado.
Com a alcunha de índio, nomeado.
Destituído, humilhado, segregado.
Hoje, com um dia, celebrado.
Por vergonha, culpa, homenageado.
Lírico, folclórico, belo e enganado.
Fabrício Mohaupt
Enviado por Fabrício Mohaupt em 16/06/2007
Código do texto: T529698

Comentários

Sobre o autor
Fabrício Mohaupt
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 49 anos
36 textos (4457 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/07/21 15:12)
Fabrício Mohaupt