Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um encontro divino

Estava amargurada a minha alma
E quase sem forças para seguir,
Nos meus olhos não havia a calma
Nem nos lábios vontade de sorrir.

A passos lentos segui a multidão
Envolvido por meu problema,
Tentando encontrar apenas razão
E um porque do meu dilema.

Entre a multidão apenas o vazio
Empurrava de volta á casa,
Como o sopro de um vento frio
Ferindo a carne a sua garra.

Pelo caminho eu encontro tudo
Mas eu não enxergo nada,
Diante da minha dor fico mudo
Perdido feito alma penada.

Ao abrir a porta, minha tristeza
Sem piedade entra primeiro,
Debochada parece ter a certeza
Que hoje é o dia derradeiro.

Mas ao deitar em minha cama
Vi um anjo envolvido em luz,
Dizendo que Jesus ainda me ama
E por mim morreu numa cruz.

De repente um pouco mais além
Um rosto que não pude ver,
Uma luz muito mais forte porém
Foi envolvendo todo meu ser.

Então uma doce voz eu pude ouvir
Suavemente fui ficando em pé,
Ele é o caminho certo para seguir
Com alegria amparada pela fé.

Não sei, se cinco da manhã ou seis
Mas a dor já não estou sentindo,
Acho que foi o filho do Rei dos reis
Que libertou e me deixou sorrindo.

Eu senti da bondade de Deus o açoite
Da unção que deixou a alma sã,
Minha tristeza durou apenas uma noite
E minha alegria veio pela manhã.




Jeff Condol
Enviado por Jeff Condol em 08/07/2015
Código do texto: T5304159
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Jeff Condol
New York - New York - Estados Unidos
802 textos (112930 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/05/21 06:15)
Jeff Condol