Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Deu vontade de escrever

Deu vontade de escrever,
Registrar, em papel, meus sentimentos
Um desejo repentino, violento
Mas como, se nem eu sei o que sinto?

E recorro a um cálice de bom tinto
Embriago minhas ideias, devaneios
E não me reconheço no que leio
Mas como, se eu mesmo escrevi.

Reflexo das venturas que vivi
Imagem ofuscada num espelho
Então podes meter o teu bedelho
Pois eu sei o quão fácil é criticar

Por que é mais difícil ajudar?
Tornar mais plano o caminho de outrem,
Fará mais plano teu caminho também.
É só o que eu falo e tenho dito.

Na verdade eu nem devia ter escrito!





Marcão Bahea
Enviado por Marcão Bahea em 17/07/2015
Código do texto: T5314240
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Sobre o autor
Marcão Bahea
Salvador - Bahia - Brasil, 41 anos
143 textos (6064 leituras)
72 áudios (2512 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/04/20 10:25)
Marcão Bahea