Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Buscou  alento nos braços da poesia, a intenção, única e simplesmente, fugir, escapar das noticias dos últimos dias...

Fraude, barganha, perjúrio e um refinado embuste, tantas falácias, indecências , regadas a falsas promessas.

Seu corpo pedia, implorava com todas as forças, por aquele robusto e acolhedor peito do poeta!

E quem espera romance transcrito em pedras, versos enveredados em flechas e juras de amores sofridos, conforme-se com o roubado, esqueça a poesia de sonhos, e diante do quadro surreal, amanheceu, a manchete ao abrir o jornal:

Poeta morre de poesia passional!
Renata Rimet
Enviado por Renata Rimet em 15/03/2017
Código do texto: T5941322
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Renata Rimet
Salvador - Bahia - Brasil, 49 anos
460 textos (25936 leituras)
9 áudios (1054 audições)
9 e-livros (1987 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/01/20 05:37)
Renata Rimet

Site do Escritor