Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

RIO GUAIBA

Minha homenagem a este grande rio que passa por Porto Alegre/RS

RIO GUAIBA

Tens o encanto
a natural beleza,
em ti corre o canto
da mãe natureza.

O brilho da lua
reflete em teu dorso,
fina luz nua,
baila no leito feito corso.

 
Tua mansidão acalma
a agitação interior,
equilibra a alma
ameniza a dor.

 
Tua inquietude é lei
que exala soberania,
e ante a ira de um rei
emudece a fala bravia.

 
Mas ...  a pureza de outrora
o tempo levou com insistência,
e as mãos dos incautos de agora,
contaminam tua essência.

 
Contudo segues absoluto,
do homem nada espera,
insensível poluidor  bruto,
ainda assim a vida em ti prospera.

 
Como mar, mas  doce,
manso ou revolto, acho
que se humano fosse,
diria: Bah ! Guaíba, tu és  macho!

Andrade Jorge           BLOG:http://andradejorgepoesias.vilabol.uol.com.br
direitos autorais registrados
Fundação Biblioteca Nacional
Rio de Janeiro/Brasil


2000

ANDRADE JORGE
Enviado por ANDRADE JORGE em 15/10/2005
Reeditado em 02/09/2015
Código do texto: T59919
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
ANDRADE JORGE
Jundiaí - São Paulo - Brasil
1197 textos (103216 leituras)
31 áudios (2135 audições)
2 e-livros (331 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 29/11/20 11:36)
ANDRADE JORGE