Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NO PROXIMO AMANHECER



Quero cansar de contar estrelas na noite anterior,
E de madrugada quero junta-las e transforma-las num enorme sol.
Se possível, para cada estrela colocar um nome de um amigo,
Se não tiver muitos, melhor, da pra visita-los no dia seguinte.

Na tarde anterior, quero andar descalço na praia,
E contar quantos passos caminhei,
E perceber que as vezes havia mais de um tipo de pés
Que eu percebia que se moldava e não via o dono dele.

No próximo amanhecer...
Quero dar tchau para a lua,
E agradecer pela sua companhia,
E pelo caminho que ela abria no mar,
Quando estava quase a tocar suas ondas.

Quero criar poemas  durante a noite,
E de manhazinha gritar aos quatro ventos,
A beleza das palavras, dos sentimentos.

Quero perceber o choro de alguém na noite,
E de dia procurar pelo seu dono,
E oferecer a ele a luz do amanhecer.

Quero que o negro da noite,
Seja apenas um alivio para o meu corpo suado.
E que as idéias que me forem surgindo,
Vou procurar coloca-las todas em pratica.

Vou torcer para que as algemas se rompam,
Ou que me seja dado de presente, a chave para abri-las.
Porém, quero visitar a todos os encarcerados,
E dizer-lhes da beleza da liberdade.

Tudo isso, quero no próximo amanhecer...
Por ora, quero agradecer pela noite que antecede,
E dizer obrigado por estar vivo hoje,
Amanha, será um próximo amanhecer!


pele serena


peleserena
Enviado por peleserena em 17/08/2007
Código do texto: T611236
Classificação de conteúdo: seguro

Comentários

Sobre a autora
peleserena
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
40 textos (1659 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/05/21 18:03)
peleserena