Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NÃO QUERO MAIS!

Não quero mais
falar, e... não resisto ao brado
que me sufoca e no qual m'entravo e minh'alma
crava de ânsia de gritar!

Não quero mais
poetar, e... m'esmagam os versos e a
melodia, a poesia, a sede do incesto
com os meus mais belos sonetos,
árias, odes e concertos!

Não quero mais
ouvir e não quero mais amar, e...
me pleto de cantos e brados de bardos
e lerdos amantes e de amor e mais amar
e... amar, e... amar, e amar...

Não quero mais... não querer!
Quero viver, quero morrer
quero-me ser!

São José, 23/02/2002 - 22:07h

CLAUDIO BAHIA
Enviado por CLAUDIO BAHIA em 23/10/2005
Código do texto: T62780


Comentários

Sobre o autor
CLAUDIO BAHIA
Lauro de Freitas - Bahia - Brasil
63 textos (4050 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/08/20 21:55)
CLAUDIO BAHIA