Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Conforto das Saudades

Não sei decifrar pretéritos.
Sou estrangeira do tempo e me lanço,
olhar vazio e inacabado,
na neblina de desertos e vertigens que,
se não aquecem, trazem-me
o conforto das saudades,
das nostalgias de um eco infindo e puro
de algum calendário do tempo...
Vejo o que poderia ter sido e não foi,
os sonhos que auguram o passado
e se lançam no futuro que,
perpétuo e longínquo,
nunca me pertencerá...

Poema e foto:
Maria
Enviado por Maria em 25/06/2018
Reeditado em 25/06/2018
Código do texto: T6373166
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria
Blumenau - Santa Catarina - Brasil
5061 textos (209554 leituras)
1 e-livros (171 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/07/19 15:25)
Maria

Site do Escritor