Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ortografia da solidão




Entre a chuva e a lágrima
Usar os mesmo adjetivos
Saber estar perdido nos fios
Do tempo digital
Ver as telas sem pintura
E dividir reflexo com
Quem lamenta o mover dos pêndulos
 Escrever com pedras em calçadas nuas
melindro o sol
mas não a dor que nubla a sobra dos prédios
Cumprimentar as paredes, os interfones mudos
as propagandas coloridas.
Desvenda a ortografia da solidão
Quem com passos conta uma só história







O Mouro
Enviado por O Mouro em 21/09/2007
Código do texto: T662969

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
O Mouro
Camaquã - Rio Grande do Sul - Brasil, 40 anos
27 textos (1624 leituras)
3 áudios (114 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 14/12/17 23:40)
O Mouro