Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BENÇA!



Uma cena me vem a lembrança.
De algum tempo atrás.
Ao chegar e ao sair.
Dizia-se: Bença, sem fim...

Bença mãe!Bença pai!
Bença vó!Bença vô!
Bença tia!Bença tio!
E enquanto não concluia.
Nenhuma palavra a mais dizia.

Era como ritual,
Cultivava a moral.
Respeito e decência.
Era questão de reverência.

Esse rito atualmente
É dificil de encontrar
Prática de convivência,
Que contribui em demasia.
Pra combater violências.

Laços sanguíneos,
São importantes.
Precisa-se de bênçãos,
Muitas bênçãos dovarantes.

Dizem que os dias são  outros,
Que a educação mudou o enredo.
Sinceramente, isso é suspeito.
Não passa de um pretexto.
Ou é culpa do contexto?

Maria Aurea Santos
Em 22/08/19 às 7:00h?
Aurea Santos
Enviado por Aurea Santos em 22/08/2019
Código do texto: T6726372
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aurea Santos
Macapá - Amapá - Brasil, 48 anos
103 textos (730 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/19 15:43)
Aurea Santos