Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Musa Clandestina

Queria ter gravado um nome na blusa
Queria pela janela não ter visto o tempo passar
Queria ter levado um sorriso
Queria que viesse a mim o mar

Se eu pudesse o grande amor
Se meus pés não tocassem o chão
Se eu sumisse por aí
Se eu fosse Maria ele João

Amaria o amor urgente
Amaria o amor sem pressa
Amaria de um jeito manso
Amaria ton soleil ta braise

Mesmo que meu sapato não pisasse o teu
Mesmo que eu não entornasse poesias pelo chão
Mesmo que encantado não me seguiste
Mesmo que não fosse meu o suburbano coração

Ainda assim eu seria Carolina
Januária, Rosa, Rita
Joana, Renata, Lia
Madalena pro mar eu iria

Mas sou mesmo é Cristina
Lua Cris invade o luar
Acorda oh! musa clandestina
Que nunca fui... por isso não posso voltar
Cristina Nunes
Enviado por Cristina Nunes em 07/11/2005
Reeditado em 08/11/2005
Código do texto: T68566


Comentários

Sobre a autora
Cristina Nunes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 63 anos
421 textos (33817 leituras)
9 áudios (1010 audições)
2 e-livros (97 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 31/10/20 10:02)
Cristina Nunes