Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Algo
 
Falta algo neste verso absurdo
Nesta poesia que nomeiam amor
Falta a lógica
O complemento essencial
Falta a direção
O tom
O norte
Falta a sorte
 
Falta a coerência do destino
Neste verso andarilho
Em farrapos, em desatino
Falta o eco dos sinos
 
O andar nas nuvens
A cabeça na lua
Falta o grito na rua...
 
Falta algo neste verso incoerente
Se poesias de amor te nomeiam
Falta as pernas que bambeiam e,
O pássaro verde
 
Falta o comprimento
O acento
Falta a curva
Nesta poesia turva
 
Embaçada
Falta a estrada...
 
Neste verso insano
Por amor se atrever a dizer,
 
Falta você...
 
E assim por dizer
Não há poesia
Neste verso
Incompleto...

?
?
?



ziza Silvestre
Enviado por ziza Silvestre em 10/10/2007
Reeditado em 10/10/2007
Código do texto: T688653

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ziza Silvestre
Ourinhos - São Paulo - Brasil, 54 anos
217 textos (14376 leituras)
1 e-livros (52 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/12/17 05:42)
ziza Silvestre