Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

desordem

desordem
entre pontas afiadas
escrevo algumas palavras,
apontam desvairadas
letras arrancadas
da mente atordoada,
mãos tão emboladas.

desordem
dos dedos, do alfabeto,
da mente entorpecida,
das analogias esculpidas;
e as palavras deserdam,
vou embora
de mim.
Pupila
Enviado por Pupila em 13/10/2007
Código do texto: T693056
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Pupila
São Paulo - São Paulo - Brasil
691 textos (21737 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/17 05:56)
Pupila