Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

lamúria

à casa poemo paredes e mobilias
ao canto, em madeira e à meia-luz,
escorre o beijo: verniz vermelho
e o piso é tão longo como se
um mar aberto e os pés
pisam em tanta solidão
 
explode o sentimento à dimensão corporea
espocam estilhaços e à parede, o retrato,
o sentido, dum olhar, ensangüentado

e em detalhes:

à vitrola giram e dançam palavras:
"dance me to the end of love "
 
de esperas e lágrimas são as contas
entrelaçadas aos dedos do poeta
uma conta de tempo e outras cincos
pequeninas de esperas : somas de lágrimas

oração crucial: homília chorosa:
tempo de prostrações às dores d'alma
 
Ah Senhor dos Poetas!

 
marcia eduarda
Enviado por marcia eduarda em 14/10/2007
Reeditado em 14/10/2007
Código do texto: T693385

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (márcia eduarda®). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
marcia eduarda
São Paulo - São Paulo - Brasil
537 textos (16983 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 13:28)
marcia eduarda