Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Menino Atrevido

Menino Atrevido

" Ah menino atrevido, que me deixa assim sem graça,
 não bateu na minha porta, mas me levou em casa
 Ah menino atrevido, que só fala pra encantar, mas
 antes de você chegar eu estava a estudar
 Ah menino atrevido, fala de torque e alavanca, e
 por trás deste sorriso me trás tanta esperança
 Ah menino atrevido, fala tudo de coração, diz não
 agüentar de saudade, ele é pura emoção
 Ah menino atrevido, sem querer quis ser uma árvore,
 talvez para o passarinho pousar em galhos a ventar
 Ah menino atrevido, joga papo encantado, vê meu vídeo
 engraçado, tentando traduzir as cenas que estão a passar
 Ah menino atrevido, descobre tantos segredos meus, que
 nem sei onde mais esconder, deve ser porque o tempo
 passa sem eu ver ao conversar com você
 Ah menino atrevido, não sou feita de asas mas sei voar,
 então me faça acreditar que ainda posso tentar pousar,
 Ah menino atrevido, parece me decifrar, e sem querer me
 faz falar sobre o tempo e pensamento
 Ah menino atrevido, com o timbre tão suave, me fala
 sobre a serra e mar, mas nem sabe esperar
 Ah menino atrevido, que me liga sem avisar, tentando
 encontrar a voz que se passa no meu coração
 Ah menino atrevido, não engana a pontuação, não escreve
 por azaração, mas porque é pura emoção...”


 

Roberta Mendes de Araújo
Enviado por Roberta Mendes de Araújo em 19/10/2007
Reeditado em 28/07/2011
Código do texto: T700439
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Roberta Mendes de Araújo
Nova Friburgo - Rio de Janeiro - Brasil, 34 anos
219 textos (64712 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/12/17 09:17)
Roberta Mendes de Araújo