Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AOS OLHOS DO POETA...

AOS OLHOS DO POETA...

OLHE PARA O CÉU,
VEJA SUA BELEZA,
SEU AZUL,SUAS NUVENS,
SUA INTENSIDADES,
PARA QUE RECLAMAR
SE TUDO ISSO REFLETE
SERENIDADE?
AS FLORES NA PRIMAVERA
QUE VISTA RETUMBATE,
AS ROSAS AXALAM VIDA,
A VIDA INALA O AMOR,
O AMOR TRASFORMA O HOMEM,
O HOMEM COLHE A FLOR,
NAS DIMENSÕES DA VIDA
HÁ VÁRIAS REALIDADES,
BOAS E RUINS,
MAS NÃO QUERO FALAR
DAS MALDADES,
QUERO DO BELO,
DO INIMAGINÁVEL,
DAQUILO QUE TODOS
QUEREM,MAS SÓ OS
 SONHADORES CONSEGUEM...
FELICIDADE PLENA...
FELICIDADE ESTA QUE SÓ
O AMOR ESCREVE,
SÓ A VIDA CARREGA E,
QUE SÓ OS SONHOS
PODEM VISUALIZAR;
SENTIMENTO ESTE QUE NOS TORNA
PESSOAS MELHORES E,
ATÉ LOUCOS...
LOUCURAS PELAS CONQUISTAS,
LOUCURAS PELO OUTROS,
LOUCURAS POR ESTE ENIGMA
QUE TODOS CHAMAM DE
VIDA;
E,VALE RESSALTAR QUE
"NÃO SEREI E,NÃO SOU,O
POETA DE UM MUNDO
CADUCO...",MAS NÃO
TENHO MEDO DE FALAR,
POR MAIS LOUCO QUE SOU,
QUE O MUNDO SERÁ
FELIZ,QUANDO TODOS
ESTIVERMOS...,
DE "MÃOS DADAS".
MAICON LONGO
Enviado por MAICON LONGO em 28/10/2007
Reeditado em 18/07/2008
Código do texto: T714053

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
MAICON LONGO
Nilópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 30 anos
37 textos (1151 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 19:15)
MAICON LONGO