Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Zimbro

Dorso que sonha,
regalo que deleita,
senda que queima veredas,
pique que se espalha.

Carreiro de lombada em pedra,
tempestade de fogo,
memória reversa as flores,
delicia que vem de longe.

Sol que nasce saltitante,
dia sereno na orvalhada dos corações,
de sonhos e costumes,
prazer em ofertas deitadas,
no zimbro da voz roca na chuva que cai.
TCintra
Enviado por TCintra em 16/01/2021
Reeditado em 17/01/2021
Código do texto: T7161091
Classificação de conteúdo: seguro


Comentários

Sobre o autor
TCintra
Valparaíso de Goiás - Goiás - Brasil, 58 anos
400 textos (4791 leituras)
1 e-livros (22 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/05/21 09:22)
TCintra