Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou o ontem

Vejo o hoje
Tem o rosto de ontem
Muito e pouco diferente
Na verdade transgênico
O hoje se veste
Do remoto, distante, próximo
Passado que se ré-nova
Envelhece, morre, e nasce
Outra vez
O ontem é hoje
Que também é amanhã
O amanhã é ontem e hoje
Para nascer, viver e morrer
E Renascer......
Adelson Anjos
Enviado por Adelson Anjos em 01/11/2007
Reeditado em 09/11/2007
Código do texto: T719143
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Adelson Anjos
Jequié - Bahia - Brasil
37 textos (9234 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 13/12/17 09:57)
Adelson Anjos