Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AREIA MOVEDIÇA

AREIA MOVEDIÇA

Areia movediça.
Luz mortiça...
É preciso rever os passos.
Chão incólume,
muitos estilhaços de balas...
Areia movediça na luz raquítica.
Areia movediça na geopolítica.
Estranho rastrear de atitude,
movediço a cada pedaço de chão.
Areia branca e incólume,
o risco do pântano.
E o pesadelo em flor.
Areia movediça
espelhada por todos os chãos.
Cada passo é importante
para se chegar ao grotão.
Passo uniforme.
Areia movediça e
o risco iminente até
a altura dos dentes.
Os braços à procura,
o chão incólume,
contar com a proteção dos céus...



FERNANDO MEDEIROS
Campinas, é primavera de 2007.



 

FERNANDO MEDEIROS
Enviado por FERNANDO MEDEIROS em 06/11/2007
Código do texto: T726544

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor Fernando Medeiros e o link para o site www.recantodasletras.com.br/autores/fernandomedeiros). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FERNANDO MEDEIROS
Campinas - São Paulo - Brasil, 54 anos
155 textos (8772 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/12/17 04:39)